Pular para o conteúdo principal

Receita: Croque Monsieur Tartine


CROQUE MONSIEUR TARTINE

Toast faz sucesso em restaurantes, lanchonetes, food truck e em nossa casa,  mas o conceito é mais antigo do que o pão fatiado. O monsieur Croque, com molho cremoso normalmente bechamel (molho branco), é há muito tempo uma clássica comida caseira francesa.

A cada ano que passa o humilde pão tem sido mais procurado e novas versões que são criadas, e lembrado como confort food..

Pense em torradas grossas e crocantes sob estas coberturas: de frios (peito de peru, presento, embutidos diversos) queijos variados, e há quem goste de brincar com geleias e frutas ex: geleia de figo coberta com queijo de cabra e nozes picadas; dois camarões descansando em purê de abacate polvilhado com sal e suco de limão; mascarpone (ou queijo cremoso) com bacon desintegrado e uvas frescas picadas. As possibilidades são intermináveis.

Particularmente, o croque monsieur, em versão original, surgiu uma deliciosa combinação de presunto e queijo Gruyère em pão torrado e coberto com molho branco.  Apareceu pela primeira vez nos menus em Paris por volta de 1910. Hoje é utilizado como almoço principalmente pelos franceses e acompanhado de salada de folhas frescas.


Croque monsieur tartine

4 porções
Para o molho bechamel: 
3 colheres de sopa de manteiga sem sal 
3 colheres de sopa de farinha de trigo
 
4 xícaras de chá de leite quente
 
Sal e pimenta moída a gosto
 
Noz moscada, a gosto
Para o tartine: 
Quatro fatias grossas de pão de estilo caseiro
8 fatias de presunto cozido
 ou peito de peru
1 xícara de queijo Gruyère ralado ou emental
1 xícara de chá de mussarela ralada
Modo de preparo
2. Para fazer o béchamel: Adicione a manteiga a uma panela de fundo grosso e derreta em fogo baixo. Em uma panela pequena separada, aqueça o leite em fogo baixo (não deixe ferver).
3. Enquanto o leite aquecer, bata a farinha na manteiga derretida,  sem parar de mexer coloque o leite quente aos poucos  aos poucos , mexendo sempre até a mistura ficar homogênea. Aumente o fogo para médio, deixe ferver e tempere com sal, pimenta e noz-moscada. Continue a cozinhar, mexendo de vez em quando, até que o molho engrosse, cerca de 3 minutos a mais. Remova o bechamel do fogo.
4. Para montar as tartines:
Torre as as fatias de pão antes de serem montadas. Isso é opcional. Em  assadeira untada monte os tartines com duas fatias sobrepostas de presunto por cima. Para cada sanduíche, espalhe 1 a 2 colheres de sopa do bechamel sobre o presunto (mais, se desejar). Polvilhe os queijos ralado uniformemente sobre o bechamel. Asse até que o queijo derreta e uniformemente marrom, eo pão é dourado e crocante no fundo, cerca de 12 a 15 minutos.
5. Sirva imediatamente com uma salada simples de verduras mistas.






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

JAMELÃO / JAMBOLÃO

Fui visitar uma amiga Nair Cisotto Garcia e ela me presenteou com frutas muita saborosas mas, desconhecida por mim.

Acolhido pela curiosidade, corri para pesquisar e já fazer um doce ou outro uso,veja o que a enciclopédia me mostrou, quero dividir com vocês essa experiência.

Lembrei da pesquisadora e redadora de uma coluna do jornal O Estado de São Paulo, O Paladar, muito querida Neide Rigo, tem um blog muito especial "Come-se". Vale a pena uma visita. Nesse blog ela fala de frutas, verduras ervas etc como pesquisa e prepara receitas.

Uma frutinha que lembra azeitona, talvez jabuticaba, com um caroço grande, , mas, o sabor é azedinho e muito saboroso, perante isso tudo fui logo pesquisar alguns site e já encontrei noticias, artigos etc.
Confira:Jamelão 
O Commons possui multimídias sobre Jamelão
O jamelão, jambolão, jalão[1], joão-bolão, manjelão, azeitona-preta, baga-de-freira, brinco-de-viúva ou guapê (Syzygium cumini, ex-Eugenia jambolana Lam. ou Syzygium jambolanum DC.) é …

DIA NACIONAL DA MANDIOCA HARMONIZADO COM O CAMBUCI E SLOW FOOD

DIA NACIONAL DA MANDIOCAHARMONIZADO COM O CAMBUCI E SLOW FOOD

O Convívio Slow Food Grande ABC SP e a escola Sabor e Saber Gastronomia tem um trabalho de educação alimentar a muitos anos com seus alunos e publico frequentador de eventos, feiras e congressos acadêmicos com estudos e praticas com a mandioca e o fruto nativo no Brasil o Cambuci.

Prefeito Paulo Serra do município de Santo André

O FESTIVAL DO CAMBUCI EM PARANAPIACABA
O Festival do Cambuci de Santo André é um evento realizado pela Prefeitura de Santo André junto à Secretaria de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, Secretaria de Gestão dos Recursos Naturais de Paranapiacaba e Parque Andreense, Empreendedores / Moradores de Paranapiacaba e diversos restaurantes no centro da cidade.
Este evento tem um papel importante no desenvolvimento do turismo da Vila de Paranapiacaba, reforçando a identidade cultural deste importante fruto nativo da Mata Atlântica e incentivando o desenvolvimento sustentável do local.
O fruto cambuci, pertence à…

Noite de Autógrafos do livro - MULHERES NA COZINHA E NA COPA