Pular para o conteúdo principal

TRADIÇÃO BRASILEIRA FESTA JUNINA






Uma tradição que faz parte da alma dos brasileiros são as festas juninas, tenho um filho (Rodolfo Tomazoni) que mora em Perth, oeste da Austrália e que faz questão de manter a tradição, todo ano comemorando com os brasileiros que moram lá e toda a família australiana que curtem dançando e comendo as guloseimas características da época.


A fofoca é que este ano ele ganhou o concurso da roupa típica .... eta mãe coruja! Confira fotos da festa junina na Austrália, no blog http://monicaemperth.blogspot.com.au/

Como gostamos muito de saber das nossas origens e estudar nossa história, temos alguns dados que segundo historiadores, esta festividade foi trazida para o Brasil pelos portugueses, ainda durante o período colonial (época em que o Brasil foi colonizado e governado por Portugal).

Nesta época, havia uma grande influência de elementos culturais portugueses, chineses, espanhóis, franceses, entre outros. Da França veio a dança marcada, característica típica das danças nobres e que, no Brasil, influenciou muito as típicas quadrilhas. Já a tradição de soltar fogos de artifício veio da China, região de onde teria surgido a manipulação da pólvora para a fabricação de fogos. Da península Ibérica teria vindo a dança de fitas, muito comum em Portugal e na Espanha.

Todos estes elementos culturais foram, com o passar do tempo, misturando-se aos aspectos culturais dos brasileiros (indígenas, afro-brasileiros e imigrantes europeus), nas diversas regiões do país, tomando características particulares em cada uma delas, mas é no nordeste do Brasil, onde as festividades são mais comemoradas.

Festas Juninas no Nordeste

Embora sejam comemoradas nos quatro cantos do Brasil, na região Nordeste as festas ganham uma grande expressão. O mês de junho é o momento de se fazer homenagens aos três santos católicos: São João, São Pedro e Santo Antônio. Como é uma região onde a seca é um problema grave, os nordestinos aproveitam as festividades para agradecer as chuvas raras na região, que servem para manter a agricultura.

Além de alegrar o povo da região, as festas representam um importante momento econômico, pois muitos turistas visitam cidades nordestinas para acompanhar os festejos. Hotéis, comércios e clubes aumentam os lucros e geram empregos nessas cidades. Embora a maioria dos visitantes seja de brasileiros, é cada vez mais comum encontrarmos turistas europeus, asiáticos e norte-americanos que chegam ao Brasil para acompanhar de perto essas festas.

Comidas típicas
Como o mês de junho é a época da colheita do milho, grande parte dos doces, bolos e salgados, relacionados às festividades, são feitos desse alimento. Pamonha, cural, milho cozido, canjica, cuzcuz, pipoca, bolo de milho são apenas alguns exemplos.

Além das receitas com milho, também fazem parte do cardápio desta época: arroz doce, bolo de amendoim, bolo de pinhão, bombocado, broa de fubá, cocada, pé-de-moleque, quentão, vinho quente, batata doce e muito mais.


Aqui no nosso espaço por tradição de mais de vinte anos COMEMORAMOS SANTO ANTONIO, no dia 13 de junho vou a missa logo cedo, na Igreja Santíssima Virgem, e Frei Sebastião (que estudou em Padova, Itália, região onde Santo Antônio faleceu), benze os pães, então distribuo para amigos, para meus alunos nas faculdades onde dou aula e também onde sou aluna, também em nosso espaço.
Este ano participei de um aniversário muito especial de minha amiga mestra e doutoranda SONIA FONTES, ela é de uma criatividade e vivacidade invejável, faz aniversario em junho e aproveita para comemorar com os amigos. Na sua super festa, tinha conjunto de sanfoneiro, bolo de sanfoneiro, boneca gigante para brincar com todos no arrasta pé, para as crianças tinha atividades com cup cake que enfeitavam como quisessem. Muito quentão, pipoca, pé de moleque, bombocado e bolos, a alegria contaminou a todos. FELIZ DAQUELE QUE CELEBRA CADA MOMENTO DE SUA VIDA! Minha gente querida, vamos festejar!
Fonte: CASCUDO, Luís Câmara, História da alimentação no Brasil – Ed. Nacional

www.sua pesquisa.com











                   Esta é minha amiga Sonia Fuentes. Linda caipira!













Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

JAMELÃO / JAMBOLÃO

Fui visitar uma amiga Nair Cisotto Garcia e ela me presenteou com frutas muita saborosas mas, desconhecida por mim.

Acolhido pela curiosidade, corri para pesquisar e já fazer um doce ou outro uso,veja o que a enciclopédia me mostrou, quero dividir com vocês essa experiência.

Lembrei da pesquisadora e redadora de uma coluna do jornal O Estado de São Paulo, O Paladar, muito querida Neide Rigo, tem um blog muito especial "Come-se". Vale a pena uma visita. Nesse blog ela fala de frutas, verduras ervas etc como pesquisa e prepara receitas.

Uma frutinha que lembra azeitona, talvez jabuticaba, com um caroço grande, , mas, o sabor é azedinho e muito saboroso, perante isso tudo fui logo pesquisar alguns site e já encontrei noticias, artigos etc.
Confira:Jamelão 
O Commons possui multimídias sobre Jamelão
O jamelão, jambolão, jalão[1], joão-bolão, manjelão, azeitona-preta, baga-de-freira, brinco-de-viúva ou guapê (Syzygium cumini, ex-Eugenia jambolana Lam. ou Syzygium jambolanum DC.) é …

Proporção de feijão

FESTIVAL GASTRONÔMICO ENCANTOS & SABORES DO SUL DE MINAS

O Festival Encantos e Sabores do Sul de Minas que aconteceu de 24 a 26 de agosto no Espaço Vila Calango em Passos-MG, teve atrações gratuitas como aulas de gastronomia, palestras, oficinas e mostras de produtos regionais com degustações. O evento foi realizado pelos Cozinheiros Sem Fronteiras com o Apoio da Associação de Restauradores Gastronômicos das Américas (Aregala Internacional) e apoio especial da empresa Roberta Rocha Cooking Business. Entre as atrações e delícias do festival aconteceu o jantar padrão internacional no sábado 26 sendo a renda entregue para a Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Passos. 
fotos Gustavo Camargo 25/08/2017







A Educadora e Chef. Ana Maria Tomazoni, membro da Aregala e Cozinheiros sem Fronteiras, realizou palestra e oficina prática com degustações para adultos e crianças na sexta feira dia 25 de agosto às 14:00 h e outra com as crianças às 16:00 h.


Na noite do dia 25 de Agosto aconteceram momentos de autógrafos do livro Educar com Alim…