Pular para o conteúdo principal

Vivência em Phillip Island com pinguins


Phillip Island,  é uma ilha Australiana localizada ao sul de Melbourne. Nela há parques de vida selvagem onde cangurus passeiam livres e a maior atração turística é a parada dos pingüins. Ao anoitecer, pingüins saem do mar e atravessam uma praia até chegarem às dunas cobertas por vegetação rasteira, onde famintos, bebês pingüins esperam o jantar. Conhecemos e desfrutamos dessa incrível experiência  no mês de janeiro, durante as férias.

Há uma grande loja com lanchonete, lugar para fotos oficiais e venda de muitos souvenir ou suvenirs lembrando os pingüins. 
Tudo bem organizado e atrativo.
Os visitantes que chegam para a “parada” são encaminhados para a praia cruzando passarelas de madeira, cordas separam a areia para não atrapalharem a chegada dos pingüins. Um lembrete importante, não pode fotografar nesse espaço.

Chegamos no local as 19:30h um sol presente quase querendo ir embora, mas na verdade, foi escurecer mesmo as 21:30h e começou a ventar. A cada momento chegava mais gente, a entrada de 22,00 dólares por pessoa, e todos curiosos e felizes para ver a chegada dos pingüins.
Só um comentário, os australianos adoram picnik, vão logo tirando seus vegetais, sucos, queijos, pães e fazem a festa. Como havíamos visitado durante a manhã e tarde vinícolas na região de Yarra Valley , tomamos um bom vinho acompanhado de queijos da região e pão com fibras e frutas., nem vimos o tempo passar, tudo era novidade.
Os pingüins apareceram ao escurecer, 9:34 p.m. em bando de 30 aproximadamente, andam bem juntinho e sobem andando rapidamente a procura dos filhotes que gritam alto de fome. Incrível como a natureza é sábia, cada um caminha até encontrar seu filhote, um  grande aprendizado!
Valeu a pena, recomendo a vivência a todos!




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

JAMELÃO / JAMBOLÃO

Fui visitar uma amiga Nair Cisotto Garcia e ela me presenteou com frutas muita saborosas mas, desconhecida por mim.

Acolhido pela curiosidade, corri para pesquisar e já fazer um doce ou outro uso,veja o que a enciclopédia me mostrou, quero dividir com vocês essa experiência.

Lembrei da pesquisadora e redadora de uma coluna do jornal O Estado de São Paulo, O Paladar, muito querida Neide Rigo, tem um blog muito especial "Come-se". Vale a pena uma visita. Nesse blog ela fala de frutas, verduras ervas etc como pesquisa e prepara receitas.

Uma frutinha que lembra azeitona, talvez jabuticaba, com um caroço grande, , mas, o sabor é azedinho e muito saboroso, perante isso tudo fui logo pesquisar alguns site e já encontrei noticias, artigos etc.
Confira:Jamelão 
O Commons possui multimídias sobre Jamelão
O jamelão, jambolão, jalão[1], joão-bolão, manjelão, azeitona-preta, baga-de-freira, brinco-de-viúva ou guapê (Syzygium cumini, ex-Eugenia jambolana Lam. ou Syzygium jambolanum DC.) é …

Proporção de feijão

FESTIVAL GASTRONÔMICO ENCANTOS & SABORES DO SUL DE MINAS

O Festival Encantos e Sabores do Sul de Minas que aconteceu de 24 a 26 de agosto no Espaço Vila Calango em Passos-MG, teve atrações gratuitas como aulas de gastronomia, palestras, oficinas e mostras de produtos regionais com degustações. O evento foi realizado pelos Cozinheiros Sem Fronteiras com o Apoio da Associação de Restauradores Gastronômicos das Américas (Aregala Internacional) e apoio especial da empresa Roberta Rocha Cooking Business. Entre as atrações e delícias do festival aconteceu o jantar padrão internacional no sábado 26 sendo a renda entregue para a Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Passos. 
fotos Gustavo Camargo 25/08/2017







A Educadora e Chef. Ana Maria Tomazoni, membro da Aregala e Cozinheiros sem Fronteiras, realizou palestra e oficina prática com degustações para adultos e crianças na sexta feira dia 25 de agosto às 14:00 h e outra com as crianças às 16:00 h.


Na noite do dia 25 de Agosto aconteceram momentos de autógrafos do livro Educar com Alim…