Pular para o conteúdo principal

Dia da Terra e Dia da Mandioca

O Dia da Terra foi criado nos EUA, pelo então senador Gaylord Nelson, no dia 22 de Abril de 1970.

Tem por finalidade criar uma consciência comum aos problemas da contaminação, conservação da biodiversidade e outras preocupações ambientais para proteger a Terra.
Surgiu como um movimento universitário, e se converteu em um importante acontecimento educativo e informativo. Os grupos ecologistas o utilizam como ocasião para avaliar os problemas do meio ambiente do planeta: a contaminação do ar, água e solos, a destruição de ecossistemas, centenas de milhares de plantas e espécies animais dizimadas, e o esgotamento de recursos não renováveis.

O Dia da Terra refere-se à tomada de consciência dos recursos naturais da Terra e seu manejo, à educação ambiental e a participação como cidadãos ambientalmente conscientes e responsáveis.

Façamos parte de uma grande corrente, através de cada atitude no nosso dia a dia, promovendo saúde à nossa Terra.


Confira as fotos com crianças da 1a. a 5a.séries, em oficinas do Sabor & Saber, em nosso espaço gastronômico e na UniSenior Sant’Anna – na Voluntários da Pátria em Santana – São Paulo.

A oficina SABOR & SABER foi uma ação educativa no sentido de conscientizar os estudantes, professores e demais pessoas envolvidas, sobre os alimentos e o meio ambiente, através de um olhar de respeito pelos os alimentos, por quem planta, por quem prepara e pela própria saúde.

Com as crianças do Instituto Barão de Mauá, fizemos duas oficinas, primeiro contando a lenta da mandioca, depois passamos o filme de um produtor de mandioca o Sr. Bené – filme esse produzido pelo Instituto Maniva do Rio de Janeiro com a Chef. Tereza Corção e sua equipe.

Em seguida passamos para a prática com as crianças tocando a mandioca in natura, ainda com terra, depois a lavagem e descasque promovendo sua limpeza. Por fim, sorteamos alguns alunos para ralarem a mandioca e prepararem o biju e um bolo de mandioca.

Uma experiência incrível onde realçamos a utilização dos 5 sentidos( audição, visão, tato, paladar e olfato). Com certeza haverá repercussões para os familiares, pois deixamos com a coordenadora Profa. Isabel uma apostila com receitas doces e salgadas preparadas com a mandioca para que possam repetir as experiencias em outras ocasiões e ou em casa.
Uma manhã de grandes reflexões, vibrações e trocas de energias em nome do dia da Terra e da Mandioca

Na Universidade Santana, na parte da tarde, criamos uma Tarde Cultural, onde passamos o filme do Terra Madre Turim e um Power Point para explicar o que é o movimento do Slow Food no mundo e como qualquer pessoa, pode fazer parte dele. Tudo era ligado às nossas comemorações do Dia da Terra e Dia da Mandioca, uma oportunidade única que merece os agradecemos ao coordenador dos cursos sênior Prof Antonio Jordão Netto e a responsável pelas atividades culturais, Sra.Marli. No auditório criamos momentos lúdicos de Sabor & Saber, compartilhando da arte culinária com a preparação de um bolo de mandioca, servido no final do evento. Os professores daquela tarde (Dra. Alda, Dra.Maria Isabel entre outros) falaram sobre benefícios nutricionais e medicinais da mandioca, cada um sobre o seu olhar. Finalizamos com a apresentação de dança e canto dos índios da tribo Furni-ô, de Águas Clara- Pernambuco. Alguns alunos da UniSenior Santanna deram seus depoimentos no final da apresentação, felizes pela lembrança de suas infancias.
Todos esses bons momentos foram registrados e alguns filmados pela repórter e memorialista do Slow Food São Paulo, Fabiana Sanches

Para terminar a noite com chave de ouro, fizemos uma aula em nosso Espaço Tomazoni Gastronomia, com uma turma regular de Capacitação e outra turma do Curso de Cozinha do dia a dia, com ingredientes com mandioca, confira um dos pratos preparados: pão de ervas e mandioca.

Pão de ervas e mandioca
1ª fermentação:
Ingredienbtes:

1 colher de sopa de fermento biológico seco
1 colher sobremesa de sal – 1 colher de sobremesa de açúcar - ¾ de xícara de chá de farinha de trigo – 1 xícara de chá de água . Misturar tudo e deixar fermentar por 30 minutos. Gosto de fazer esse preparo antes,pois acredito que a massa fica mais leve e ainda testamos o fermento!.

Para o pão de ervas e mandioca
Ingredientes:

Coloque a fermentação preparada, com 1 xícara de leite morno,
2 xícaras de chá (500 g) de mandioca cozida e espremida, 1/2 xícara (chá) de óleo - 1 ovo grande inteiro e aproximadamente 500g de farinha de trigo peneirada.
½ xícara de chá de ervas picadas: salsinha, manjericão, alecrim, hortelã, salvia, raiz e folha de coentro (se gostar outras ervas pode colocar)
1 dente de alho e 1 pimenta pequena dedo de moça - 1 gema para pincelar

Modo de Preparo:
Em um pilão grande coloque o alho, a pimenta sem sementes, a raíz do coentro, uma colher (de café) de sal.Amasse muito bem, vá juntando as ervas, se gostar mais batida ou corte as ervas bem miudinhas, como preferir. Junte à mistura dos ingredientes da 1a. fermentação, o ovo, a mandioca, o óleo, o leite, a manteiga derretida e a farinha peneirando e mexendo aos poucos. Até obter uma massa macia e não pegajosa na mão.
Divida a massa em duas porções, modele como um cilindro. Coloque em forma retangular untada com manteiga e farinha.
Deixe crescer até dobrar de tamanho. Pincele gema de ovo e leve para assar. Forno 180o.C já aquecido, por + ou – 45 minutos ou até dourar.
Rendimento 2 pães grandes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Surpreenda-se com essa dica!

Mensagem de Natal Sabor&Saber Gastronomia

Caldo de legumes caseiro